Login
 
Home Início


"Luiz Carlos Prestes entrou vivo
no Panteon da História.  
Os séculos cantarão a 'canção de gesta'
dos mil e quinhentos homens da
Coluna Prestes e sua marcha de quase
três anos através do Brasil.
Um Carlos Prestes nos é sagrado.
Ele pertence a toda a humanidade.
Quem o atinge, atinge-a."

(Romain Roland, 1936)


ILCP
Assista o vídeo: Conversa com Anita Leocádia Prestes

CASA DAS PALAVRAS - TV Câmara
Publicado em 10 de abr de 2017
Autoria da TV Câmara

Dim lights Embed Embed this video on your site

Última atualização em Qua, 19 de Abril de 2017 22:59
 
LEIA CARTAS INÉDITAS DE ERMELINDA DE A. FELIZARDO AO PRESIDENTE DO SUPREMO TRIBUNAL MILITAR E AO MINISTRO DA JUSTIÇA J. C. DE MACEDO SOARES *

Porto Alegre,
12 de Janeiro de 1939.

Ilmo. Sr. General Francisco Ramos de Andrade Neves

Rio de Janeiro

Acabo de saber que fazeis parte, como Presidente do Supremo Tribunal Militar que vai julgar, em breve, o recurso interposto pelo advogado de meu neto Luiz Carlos Prestes da sentença que o condenou a 16 anos e 8 meses de prisão.

Última atualização em Qui, 27 de Setembro de 2012 12:42
Leia mais...
 
IMPERIALISMO, CRISE E FASCISMO
Escrito por Anita Leocadia Prestes   

IMPERIALISM, CRISIS AND FASCISM
IMPERIALISMO, CRISIS Y FASCISMO DOI:

http://dx.doi.org/10.9771/gmed.v11i2.34571

Para o tema do fascismo, Germinal convidou a Professora Anita Leocádia Benário Prestes. Nesta entrevista responde a um roteiro de perguntas elaborado pelas Professores Gilcilene de Oliveira Damasceno Barão e Maria de Fátima Rodrigues Pereira. O fascismo é frequentemente associado a autoritarismos, governos autoritários, nesta entrevista a Professora Anita Leocádia Prestes faz importantes considerações a respeito, considerando as relações de produção no contexto do capital monopolista, do imperialismo e suas crises.

Leia o PDF aqui


Última atualização em Ter, 26 de Novembro de 2019 05:45
 
ANITA PRESTES SOBRE O GOLPE DE 1964

(TEXTO TRANSMITIDO   PELA TV COMUNITÁRIA DO RJ EM 13/6/2020 (1a parte); 2a parte em 20/6/2020)

DECLARAÇÃO DE ANITA PRESTES SOBRE GOLPE DE 64 - junho de 2020

Impossível referir-se ao golpe civil-militar de 1º de abril de 1964, sem uma referência ao papel do governo João Goulart, então deposto. Não tenho dúvida em afirmar que foi o presidente mais progressista que tivemos no Brasil. Foi o único que, embora um representante da burguesia, tomou medidas concretas no caminho das Reformas de Base – a principal demanda das forças progressistas da época. Isso apesar da resistência do grande capital internacionalizado e dos latifundiários, que dispunham de maioria no Congresso Nacional. Jango chegou a assinar, em janeiro de 1964, o decreto que limitava a remessa de lucros das empresas imperialistas sediadas no Brasil. Ao mesmo tempo, atendeu a numerosas reivindicações dos trabalhadores. Segundo pesquisa do Ibope, em março de 64, ele mantinha alta porcentagem de apoio da opinião pública das grandes cidades: com 45% de “ótimo” e “bom” na avaliação do governo e 49% das intenções de voto para 1965.

Última atualização em Dom, 14 de Junho de 2020 22:10
Leia mais...
 
Um "poder" acima dos outros

Leia Artigo de L.C. Prestes publicado na imprensa às vésperas da promulgação da Constituição de 1988, em que é desmascarado o "poder militar", acima dos três poderes da República, consagrado no Artigo 142 da nova Constituição.

Última atualização em Dom, 27 de Novembro de 2011 14:51
Leia mais...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Pagina 1 de 11